Girassol é destaque na revista Bares & Restaurantes

Publicado em: 27 de Agosto de 2013

A edição 92 da revista Bares & Restaurantes, de circulação nacional, dedicou as 3 páginas da seção Pulo do Gato ao Restaurante Girassol. Confira a matéria abaixo na íntegra:

Qualidade tem gosto

Investimentos permanentes fazem do restaurante Girassol, no Paraná, parada obrigatória de quem trafega pela BR-277

Por Ana Paula Oliveira

Indispensável a qualquer viagem mais longa, a aguardada "parada", aquela pausa para comer e relaxar um pouco antes de retomar a estrada pode, sim, ser uma experiência ainda mais agradável quando o ponto escolhido faz da qualidade seu principal diferencial.

Próximo à cidade de Palmeira (PR) - no quilômetro 168 da BR-277, que liga o Porto de Paranaguá a Foz do Iguaçu - os viajantes tem essa opção. Surpresa para muitos e parada obrigatória de outros tantos que se tornaram "fãs de carteirinha", o restaurante Girassol tem deixado de ser apenas um lugar de passagem para virar principal destino de pessoas que querem desfrutar os prazeres de uma boa refeição e de um ambiente agradável.

No local, a qualidade foi eleita principal ingrediente e vai muito além dos pratos servidos. "Percebemos que a combinação de ambiente limpo e arejado, comida de qualidade e atendimento diferenciado ainda é muito deficiente nos restaurantes conhecidos como de 'beira de estrada' e que esse poderia ser nosso grande diferencial", explica Rosane Radecki de Oliveira, filha dos fundadores e proprietária.

Formada em Educação Física, ela procurou se especializar no ramo (é pós-graduada em Planejamento e Gestão de Negócios e Chef de Cuisine e Restauranteur) para levar adiante o negócio da família. O Girassol é um estabelecimento familiar, fundado em 1982 por Polan Cassemiro Radecki, seu genro, Vandosvaldo de Oliveira e sua filha, Gabriela Radecki de Oliveira, pais de Rosane.

Para atingir esse patamar, os investimentos na melhoria dos padrões de qualidade e a consequente fidelização dos clientes são constantes. Ao longo dos seus mais de 30 anos, o restaurante passou por quatro reformas. A mais recente e mais significativa delas aconteceu entre 2010 e 2011, com a aplicação de cerca de R$ 2 milhões na modernização dos bastidores, uma área de 600 metros quadrados.

Foram instaladas cinco câmaras climatizadas: para armazenamento de carnes, frios e lacticínios, bebidas, congelados e frutas, verduras e legumes. A cozinha também foi incrementada, ganhando ares de cozinha industrial - o local possui uma sala climatizada, destinada à manipulação das carnes e frios. "Além disso, somos criteriosos na hora de escolher a matéria-prima que compramos. Só trabalhamos com verduras e legumes orgânicos e sempre visitamos os produtores para acompanhar a origem dos alimentos e conhecer a fundo o que estamos adquirindo", ressalta Rosane.

Completando a infraestrutura, a reforma garantiu aos bastidores do Girassol uma reestruturação física, com melhorias na padaria (todos os bolos, tortas e pães servidos são produzidos no local), lavanderia, refeitório, escritório e vestiário para os empregados. Outro diferencial do restaurante é a existência de uma sala externa para armazenamento de lixo orgânico, o que evita a proliferação de insetos e roedores, e uma cisterna para captação de água da chuva, com capacidade para 12,5 mil litros. Toda a água captada é utilizada nas descargas dos banheiros, na lavagem das calçadas e para molhar as plantas. "Fazer uma reforma dessa amplitude foi uma decisão muito importante. Nosso objetivo era ter uma estrutura que nos desse as condições de atender à clientela, que já vinha aumentando consideravelmente, sem perder a qualidade de sempre".

Tiro Certeiro

A escolha do foco foi mais que acertada. Se à época da inauguração o restaurante contava com apenas dois empregados, além da mão-de-obra familiar, hoje eles já somam 60, entre nutricionista, cozinheiros, garçons, auxiliares de limpeza e área administrativa. Os 130 metros quadrados de área construída transformaram-se em 1,2 mil que contemplam, além do restaurante, uma loja de artesanato local e de móveis confeccionados com madeira de demolição, e um armazém, onde são vendidos doces, quitutes e outras iguarias da região. "Após a última reforma tivemos um aumento de 30% no nosso faturamento anual) , comemora Rosane.

Segundo ela, cerca de 20 mil passoas passam pelo local todos os meses, a maioria pertencente às classes A e B que transita do interior do estado rumo a Curitiba (PR). Mas, mesmo com os números satisfatórios, a expansão esbarra numa dificuldade de mercado: a falta de mão-de-obra, quando apenas 35% dos empregados integram o quadro há mais de 15 anos. "Enfrentamos uma rotatividade de mais de 30%, o que desestimula um pouco a nossa expansão. Isso acaba trazendo prejuízos para a empresa, já que investimos em treinamentos, sem contar nos custos com a própria contratação e as demissões", explica.

Diante disso, abrir uma filial continua na lista dos planos futuros, encabeçada por um projeto mais audacioso. "Para o próximo ano, estamos estudando a possibilidade de construir um hotel anexo ao restaurante", revela a proprietária, que preferiu, antes, diversificar sua atuação no ramo com outro restaurante no centro de Palmeira, o Alecrim, um buffet a quilo que serve apenas almoço.

Qualidade à mesa

Aberto de segunda a sábado, das 06h às 23h, e domingos das 8h às 23h, e com capacidade para cerca de 250 pessoas, o Girassol possui cinco ambientes (quatro salões e um deck). É nesse espaço que outro fator de sucesso se revela e ganha destaque: os pratos.

O cardápio é composto de 33 opções de refeições, 29 tipos de lanches, 20 sobremesas e 60 sabores de pizzas. O carro-chefe, segundo a proprietária, é a alcatra com corte americano. Assim como as demais carnes, o prato é servido com arroz, feijão, farofa, salada simples, pão e polenta brustolada, outra especialidade da casa. Entre os lançamentos recentes, a carne de angus (uma das poucas que atende às exigências de mercados como o europeu, por ser considerada de altíssima qualidade) e o espetinho de cordeiro ao pesto de capim santo também são preferidos.

Em 2013 o Girassol lançou o serviço de delivery via site (www.rgirassol.com.br), atualmente, o único de Palmeira. Mesmo entregando apenas na zona urbana, o serviço tem sido bastante utilizado, e a expectativa é que até o final do ano 70% dos pedidos delivery sejam feitos via site.

Uma estratégia pra garantir o movimento em dias mais aprados, como nos sábados à noite, é a música ao vivo, que atrai mais a população local. "As pessoas gostam tanto que nunca investimos em propaganda. Nossa clientela é formada graças ao bom e velho 'boca-a-boca'", destaca.